segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Nossos índios sem identidade


https://cantodoaprendiz.wordpress.com/

Que maldade fizeram com os nossos índios
Acabaram com as suas identidades e ingenuidades
Estupraram nossas índias e dessa mistura nasceram 
Crianças sem identidade, são os filhos da maldade humana
Hoje, perderam seus lugares, empurrando-os para o asfalto
Agora são poucas as tribos, mas as que têm são de índios frutos da vergonha
Que o homem branco quis escravizar os filhos  das suas terras
Chegou de muito longe para acabar com os nossos índios
Poucos fugiram, embrenharam nas matas ainda virgens
Ali permaneciam cultuando suas crenças e costumes 
Muitos foram mortos numa luta desigual. Amavam a natureza
Esses branquelos que queriam e não conseguiram escravizá-los
Hoje, queimam no fogo do inferno! Quanta humilhação!
Antes os deixassem viver nas suas próprias ingenuidades
E ignorâncias: homens, mulheres e crianças
Que vergonha! Ela veio de fora para dentro
Que terrível história temos que contar aos pequeninos


Do nosso Brasil!!



18 comentários:

  1. É muito triste Dorli ver que não há mais essa ingenuidade e tão pouco vemos índios,os que sobraram já estão bem diferentes,já não usam os costumes indígenas e se misturaram com àqueles (os brancos)que os levaram para esse caminho.Talvez até por tortuosos caminhos de crueldade.
    Uma pena!
    Lindo texto.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  2. Um texto muito bom. Uma pedrada no charco da nossa ignorância.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderExcluir
  3. O homem do homem, é explorador,
    não olha a meios para os fins atingir
    ama a ganância, ignorando o amor
    diz em alta voz defender a humanidade a fingir!

    Boa noite amiga Dorli Ramos, espero esteja bem de saúde, um beijo.
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  4. Uma realidade que hoje vivemos e lamentamos.
    Não apenas com os índios mas com uma grande parte da natureza animal e vegetal.

    ResponderExcluir
  5. Esta é uma triste realidade.
    Uma cultura que a cada dia está semdo esquecida, e desrespeitada!
    que tudo esteja bem com você amiga!
    Um grande abraço!
    Mariangela

    ResponderExcluir
  6. Olá Dorli! Lamentavelmente, é a pura realidade. essa é uma das porções vergonhosas que ora vivenciamos.

    Obrigado pela visita e gentil comentário deixado no nosso humilde espaço, como também pela compreensão quando do meu afastamento da blogosfera para um pequeno descanso.

    Beijos e uma ótima semana para ti e para os teus.

    Furtado.

    ResponderExcluir
  7. Obrigado Dorli, também vou levar o teu link comigo!
    Beijinho

    ResponderExcluir
  8. É verdade! Os brancos abusaram dos índios, e os índios se descaracterizaram. Mas os tempos e o entendimento eram outros. Hoje já tem gente como VC com muito mais discernimento.

    ResponderExcluir
  9. Bom dia, Dorli
    É uma verdade muito triste.
    A maldade humana não tem limites. Desde tempos imemoriais sempre houve homens querendo escravizar o seu semelhante. E isto não se vê entre animais ditos irracionais... o que prova que o menos racional de todos, afinal, parece ser o Homem.

    Desejo continuação de boa semana e alegre Carnaval.

    Beijinhos da amiga sumida :) e encontrada:)
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderExcluir
  10. Pois é, Dorli: que coisa vergonhosa a contar para as próximas gerações!
    Temos nossos políticos que fazem políticas indigenistas, mas deixam-na no papel, enquanto nossos índios são cada vez mais pessoas de cidade, sem indenidade, sem pátria,sem amparo algum. Triste demais!

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  11. Falta de respeito ao ser humano Bjbjbj Lisette.

    ResponderExcluir
  12. Triste realidade bem mostrada! bjs, chica

    ResponderExcluir
  13. Olá Dorli,

    Uma verdade bem triste!

    Um beijo

    ResponderExcluir
  14. Eles estão perdendo a sua ingenuidade aos poucos, porque o ser humano tem refletido muito em suas vidas.

    Um lindo dia para você♥
    Bjs.

    ResponderExcluir
  15. Eu digo que são as paginas infelizes de nossa historia. Assim como os negros arrancados e jogados nas senzalas para trabalho escravo.
    Bem diz a musica agora somente o dia 19 de Abril.
    Abraços amiga.
    Bjs de paz.

    ResponderExcluir