quarta-feira, 18 de maio de 2016

Minha boneca




Ganhei de presente de Natal uma linda boneca que a guardo até hoje na sua caixa e de vez em quando, enquanto minha filha estava na escola dava uma olhada nela. Um dia minha filha viu a caixa subiu na cadeira e viu a boneca e disse: que boneca feia, mãe.
Filha e se você fosse uma criança deficiente eu não iria amá-la, levar à escola e dizer que você seria feia? Ela chorou, então, lhe dei a boneca, ela sorriu.


10 comentários:

  1. História encantadora e é assim que se ensina as crianças.
    Um abraço e continuação de uma boa semana.

    ResponderExcluir
  2. Muito bem.
    Mas a boneca é muito linda. Já não estão a sair de moda. que pena.


    Beijo e um dia feliz.

    Coisas de Uma Vida 172

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Dorli.
    Seu pequeno conto me traz grandes recordações,pois quando pequena pedi ao
    Papai Noel um boneco de olhos azuis que ganhei e achei lindo de viver,mas se
    ele viesse com algum defeito eu o amaria do mesmo jeito.
    Não há deficiência ou como dizem criança especial,para um coração de mãe.
    Muito lindo.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  4. Que lindo!
    Emocionante querida Dorli, beijinhos no coração.

    ResponderExcluir
  5. É muito bom guardar lindas recordações. Uma bela e feliz tarde

    ResponderExcluir
  6. Olá Dorli

    Acho que ela desdenhou para ganha-la.
    bjs querida e um ótimo fim de semana desde já.

    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Dorli,espero que esteja bem.
    Depois quando puder leia o e-mail que enviei a você.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  8. É verdade, querida, a educação começa por aí, pelos sentimentos! Acho que a menina não esqueceu da lição... E aquele conto? Não encontro.
    Beijo grande.

    ResponderExcluir
  9. Uma linda mensagem de como pode ver o belo no feio,
    muito além do olhara simples.
    Mas é linda a boneca da ilustração.
    Um belo fim de semana amiga.
    Carinhoso abraço.
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Um conto bem contado! Uma boa reflexão, Dorli.
    Um bom domingo. Abraço

    ResponderExcluir