segunda-feira, 6 de março de 2017

O caminho do amor



amor


Sou pequenina
Mas já sei fazer um caminho
Caminho do amor
Com corações

Pedi a mãe fazer
Muitos corações de rosa
À combinar comigo
Vestido que fez

Mamãe veio me pegar
Para comer uma boa sopinha
Nisso ouço um barulho
Vi mamãe morta

Beijei o seu rosto
Chorei feito uma menininha
Sujei minha roupa
Tá comigo

Cresci mas triste
Nunca vou mais vou beijá-la
Com gosto  de sangue
E choro doído

Papai casou com outra
Uma maravilhosa e santa mulher
Teve seus lindos filhos
Mas me amava

Nunca esqueço a mamãe
Do gosto de sangue ao beijá-la
Na boca gosto amargo
Sua lágrima que caiu

5 comentários:

  1. Bom dia Dorli, bem construídos seus versos!
    Ai que tristes versos, a dor da tragédia!
    Abraços apertados!

    ResponderExcluir
  2. Lindas palavras,porém tristes Dorli!
    Bjs e obrigada pelas visitas.
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir